contador gratuito Skip to content

3 novos sintomas de coronav√≠rus encontrados e novas diretrizes de testes da √ćndia para COVID-19

Coronavírus

Tudo come√ßou a partir da v√©spera de Ano Novo. Em 31 de dezembro de 2019, assistimos ao primeiro caso de coronav√≠rus em Wuhan, China. A partir de ent√£o, esse v√≠rus mortal espalhou seus tent√°culos em todo o mundo em quest√£o de tr√™s meses, matando mais de 18.000 pessoas e afetando mais de 4 mil pessoas, de acordo com os fatos e n√ļmeros compartilhados pela Organiza√ß√£o Mundial da Sa√ļde. A pandemia de coronav√≠rus afetou mais esses tr√™s pa√≠ses: China, It√°lia e EUA. Na √ćndia, os n√ļmeros est√£o aumentando quase a cada hora, enviando o pa√≠s em um bloqueio completo. Atualmente (em 26 de mar√ßo), o n√ļmero total de casos de coronav√≠rus na √ćndia √© 694, incluindo 13 mortes, segundo o Minist√©rio da Sa√ļde e Bem-Estar. Desses 649 casos, 44 foram curados / descarregados e um foi migrado. Leia tamb√©m – O papel da intelig√™ncia artificial na atual pandemia de COVID-19

Em meio a tudo isso, o melhor que podemos fazer √© ficar em casa, mantendo dist√Ęncia f√≠sica e higiene adequada lavando as m√£os. Se todos seguirem essas medidas, podemos realmente impedir a propaga√ß√£o do coronav√≠rus e do surto tamb√©m, diz o Dr. Sandeep Budhiraja, diretor m√©dico do grupo Max Healthcare e diretor s√™nior do Instituto de Medicina Interna. Embora essas precau√ß√Ķes contra o coronav√≠rus n√£o garantam uma prote√ß√£o de 100%, √© prov√°vel que reduzam o risco de contrair e espalhar a infec√ß√£o em alguns pontos. Leia tamb√©m – Atualiza√ß√Ķes ao vivo do COVID-19: Casos na √ćndia aumentam para 2.16919 quando o n√ļmero de mortos chega a 6.075

Além de medidas preventivas, a detecção precoce dos sintomas é a pedra angular do gerenciamento de qualquer doença com sucesso e mais ainda, no caso de uma infecção que se espalha rapidamente como o coronavírus. Aqui está um resumo de alguns sintomas potenciais de coronavírus até então desconhecidos. Leia também РUse máscara facial durante o sexo em meio à pandemia de COVID-19: algumas outras dicas para se manter seguro

PERDA DE CHEIRO: SINTOMA NOVO DO CORONAVIRUS

Identificar os sinais do COVID-19 logo no in√≠cio colocar√° uma coleira no n√ļmero de mortos, em todo o mundo. Embora seja f√°cil detectar os sintomas respirat√≥rios ou respirat√≥rios comuns, existem outros sintomas surpreendentes do coronav√≠rus que voc√™ pode acabar ignorando. Perda de paladar e olfato est√£o entre aqueles que mal conhecemos. Recentemente, especialistas em otorrinolaringologia de todo o mundo expressaram que anosmia, o termo cient√≠fico para perda do olfato, pode ser uma manifesta√ß√£o precoce do COVID-19.

Evidências de países como Coréia do Sul, China e Itália sugerem que alguns pacientes com coronavírus experimentam um olfato reduzido ou empobrecido. De fato, um estudo publicado em fevereiro na Natureza relata que 30% dos 2000 pacientes com COVID-19 da Coréia do Sul que participaram da pesquisa sofreram perda de olfato.

Também na Alemanha, 2 em cada 3 pacientes que apresentaram resultado positivo para esse vírus sofrem de anosmia, sugerem evidências. Este vírus é muito incomum, porque nenhuma outra doença semelhante à gripe se apresenta com esse sintoma. Surpreendentemente, os relatórios iniciais sugerem que pode haver casos em que os pacientes experimentam apenas perda de olfato, nenhum outro sintoma, diz o Dr. Budhiraja. O resfriado e a gripe comuns são acompanhados por um corrimento nasal. Nariz entupido tira o sentido do olfato nesses casos. Mas o coronavírus não vem com o nariz entupido ou escorrendo. Portanto, experimentar uma perda ou redução do sentido olfativo é um sintoma peculiar e inexplicável, acrescenta ele.

Essa pode ser uma pista significativa para o diagnóstico de médicos em pacientes que não se queixam dos sintomas respiratórios usuais. Recentemente, os funcionários da OMS também anunciaram que estudarão a possível associação entre COVID-19 e perda de olfato.

PERDA DE SABOR: OUTRO SINTOMA INOMINAL DE CORONAVIRUS

Al√©m disso, a disgeusia, um comprometimento do paladar, tamb√©m pode ser um sinal precoce de coronav√≠rus, observou a Academia Americana de Otorrinolaringologia de Cabe√ßa e Pesco√ßo. Segundo eles, h√° evid√™ncias aned√≥ticas “acumulando rapidamente” isso de diferentes partes do mundo. Portanto, eles sugeriram que os m√©dicos considerassem esses sintomas enquanto examinavam uma pessoa para o COVID-19.

TRANSTORNO DIGESTIVO: SINTOMA DE CORONAVIRUS QUE VOCÊ NÃO DEVE IGNORAR

V√°rios estudos encontraram evid√™ncias de que o COVID-19 pode se manifestar atrav√©s de problemas intestinais como n√°usea, v√īmito, dor abdominal, diarr√©ia e apetite reduzido. Uma pesquisa, publicada no American Journal of Gastroenterology, conduziu sua pesquisa com 204 pacientes de Hubei, China. Entre os participantes do estudo, 48,5% se queixaram de problemas gastrointestinais e 7% n√£o se queixaram do sintoma mais comum de coronav√≠rus: problemas respirat√≥rios. No entanto, mais pesquisas est√£o em andamento para confirmar o v√≠nculo desses sinais com o COVID-19. Dois outros estudos publicados no Jornal de Medicina da Nova Inglaterra compartilharam evid√™ncias dos EUA e do Vietn√£, onde os pacientes tiveram problemas digestivos. Essas descobertas levaram alguns especialistas a especular que o coronav√≠rus pode realmente se espalhar nas fezes.

O QUE DEVE FAZER SE EXPERIMENTAR ESTES SINTOMAS DE CORONAVIRUS?

Atualmente, a pesquisa sobre uma liga√ß√£o entre o coronav√≠rus e essas condi√ß√Ķes est√° em um est√°gio muito incipiente. N√£o h√° evid√™ncias suficientes para chegar a uma conclus√£o. Muitas perguntas aguardam para serem respondidas, pois os especialistas tentam descobrir qu√£o comuns s√£o esses sintomas, quanto tempo duram, o tempo de seu surgimento, etc. Tomemos, por exemplo, pacientes com coronav√≠rus com sentidos olfativos comprometidos. Enquanto alguns se queixaram de perda de olfato e paladar muito cedo, outros relataram in√≠cio tardio, encontram m√©dicos.

Segundo o Dr. Budhiraja, n√£o sabemos quanto tempo isso dura, se √© permanente ou revers√≠vel. Al√©m disso, os especialistas ainda precisam ter certeza de que essas n√£o s√£o manifesta√ß√Ķes de outras condi√ß√Ķes, como alergias, tosse e resfriado, gripe sazonal etc. Entre essas ambig√ľidades, os √≥rg√£os m√©dicos aconselham que, se voc√™ sentir esses sintomas, mesmo sem nenhum problema respirat√≥rio ou respirat√≥rio. manifesta√ß√£o semelhante √† gripe, fa√ßa o teste de coronav√≠rus e considere o auto-isolamento. Outra precau√ß√£o contra o coronav√≠rus √© uma obriga√ß√£o, sugerem m√©dicos: Lavar as m√£os

ONDE DEVE SE TESTAR PARA CORONAVIRUS NA √ćNDIA?

A triagem √© um dos principais passos para travar o surto de coronav√≠rus. Trabalhando nessa dire√ß√£o, o Conselho Indiano de Pesquisa M√©dica (ICMR), o principal √≥rg√£o de pesquisa m√©dica da √ćndia, incluiu mais de 100 laborat√≥rios governamentais em sua rede para testar o COVID-19. Conhecidos como Laborat√≥rios de Pesquisa e Diagn√≥stico Viral (VRDLs), eles foram formados em uma estrutura de tr√™s camadas. Os tr√™s n√≠veis s√£o: N√≠vel Regional, Estadual e da Faculdade de Medicina.

Dada a taxa assustadoramente r√°pida em que a pandemia de coronav√≠rus est√° atingindo a √ćndia, o ICMR permitiu que cerca de 29 cadeias de laborat√≥rios particulares testassem o COVID-19. Voc√™ tamb√©m pode visitar o mapa dos laborat√≥rios Indias COVID-19 e ligar para esses n√ļmeros da linha de apoio.

De acordo com as diretrizes do ICMR, os laborat√≥rios privados t√™m permiss√£o para coletar apenas amostras em casa. Eles precisam tomar as devidas precau√ß√Ķes de biosseguran√ßa e biosseguran√ßa durante a coleta de amostras. Os laborat√≥rios ter√£o que transferir as amostras positivas para o Instituto Nacional de Virologia do ICMR, em Pune. Os laborat√≥rios precisam destruir as amostras negativas dentro de uma semana ap√≥s a coleta.

O preço recomendado pelo governo para testes de coronavírus é de Rs. 4.500. A figura inclui Rs. 1.500 para um teste de triagem de casos suspeitos e Rs. 3.000 para um teste de confirmação.

QUEM DEVE SER TESTADO PARA CORONAVIRUS?

Em primeiro lugar, você pode fazer o teste de coronavírus apenas se um médico qualificado prescrever. De acordo com as diretrizes do ICMR, você deve solicitar um teste se:

  • Viajou para o exterior nos √ļltimos 14 dias e teve sintomas como febre, tosse ou problemas respirat√≥rios.
  • S√£o assintom√°ticos, mas s√£o um contato direto e de alto risco de uma pessoa infectada. Voc√™ precisou fazer o teste entre o dia 5 e o dia 14 do contato com a pessoa com infec√ß√£o por COVID-19.
  • √Č um profissional de sa√ļde que atende pacientes com coronav√≠rus e desenvolve coronav√≠rus.
  • Foram hospitalizados por infec√ß√Ķes respirat√≥rias agudas graves (SARI). √Č uma condi√ß√£o caracterizada por febre superior a 100,4 graus Fahrenheit e tosse nos √ļltimos 10 dias.

Clique aqui para obter as atualiza√ß√Ķes mais recentes sobre coronav√≠rus.

Publicado: 13 de abril de 2020 13:10 | Atualizado: 13 de abril de 2020 13:19