Mãe exige que carvalhos sejam cortados para crianças com alergias a nozes

Mãe exige que carvalhos sejam cortados para crianças com alergias a nozes

Euse uma crian√ßa √© mortalmente al√©rgica a, digamos, amendoins, √© compreens√≠vel quando um pai solicita que sua escola considere proibir a tarifa de manteiga de amendoim no menu. Mas onde tra√ßamos a linha para precau√ß√Ķes antial√©rgicas? Que tal derrubar carvalhos para se livrar das bolotas ca√≠das?

√Č isso mesmo: a m√£e canadense Donna Giustizia se preocupa com o fato de as bolotas estarem amea√ßando seriamente as crian√ßas al√©rgicas a nozes – incluindo as pr√≥prias – que freq√ľentam a St. Stephen Catholic Elementary School, em Vaughn, Ontario.

Jovens carvalhos em uma propriedade vizinha, de propriedade da cidade de Vaughn, estão derrubando bolotas nas dependências da escola. E assim Giustizia está liderando uma cruzada para remover as árvores.

“Uma falsa sensa√ß√£o de seguran√ßa est√° colocando uma placa na porta que diz ‘sem nozes’ ‘e h√° nozes por todo o lado”, disse Giustizia em um artigo do The Record.

Entre as crian√ßas, as nozes s√£o uma das alergias alimentares mais comuns, al√©m de leite, mariscos e amendoins. O n√ļmero de crian√ßas al√©rgicas a nozes e amendoins triplicou na √ļltima d√©cada.

Alguns especialistas afirmam que esse aumento de alergias vem de estilos de vida hiper-higi√™nicos que podem deixar as crian√ßas com sistemas imunol√≥gicos fracos mais propensas a atacar invasores inofensivos, como p√≥len e alimentos, como nozes e … bolotas?

Um favorito entre os esquilos da América do Norte, as bolotas são envoltas em uma casca dura, têm carne de sabor amargo e não são um alimento básico neste país há séculos. Eles também representam pouca ameaça para aqueles que são alérgicos às nozes.

“N√£o h√° informa√ß√Ķes na literatura que sugiram que indiv√≠duos com alergia a nozes devam evitar o contato da pele com bolotas ou pinhas”, diz Lynn Christie, da Food Allergy & Anaphylaxis Network.

As crianças que sofrem de alergias às nozes provavelmente estão cientes de sua situação e sabem ficar longe das nozes comestíveis Рdentro ou fora da cafeteria. Também se espera que eles não andem por aí comendo bolotas no recreio.

Isso levanta a quest√£o: √© qualquer sa√ļde da crian√ßa realmente em perigo por causa de bolotas ca√≠das? A menos que tenha sido um desafio ou parte de algum truque est√ļpido, certamente n√£o consigo me lembrar de ningu√©m dos playgrounds de minha inf√Ęncia tentando comer uma bolota suja do ch√£o.

A luta contra a alergia de Giustizia pode ser fundamentada em boas inten√ß√Ķes, mas exigir o corte de carvalhos n√£o est√° ajudando a causa maior. Apenas a faz parecer um pouco, bem, maluca.