Sim, esse é meu pré-escolar em um carrinho de criança. Agora, mova-se junto de pessoas intrometidas.

Sim, esse é meu pré-escolar em um carrinho de criança. Agora, mova-se junto de pessoas intrometidas.

Sim, esse é meu pré-escolar em um carrinho de criança. Agora, mova-se junto de pessoas intrometidas.

Stuart Jenner / Shutterstock

Sim, meu filho tem quase 4 anos e eu ainda o empurro no carrinho com frequência.

E sabe de uma coisa? Eu não dou a mínima para o que as outras pessoas têm a dizer sobre isso.

E acredite, as pessoas têm muito a dizer.

Para os intrometidos Nellies que estão horrorizados e agarrados a pérolas a essa visão, aqui está o seguinte: eu não possuo um carro e frequentemente passamos o tempo em uma cidade grande e movimentada (para ser exato a cidade de Nova York). Portanto, nossos carrinhos de bebê têm um papel importante no transporte de e para a maioria dos lugares.

E meu filho se distrai facilmente. Se eu o deixo andar (o que eu fa√ßo, dependendo de onde estava indo e do humor dele), tenho que me dar um tempo extra para chegar l√°, porque passo metade do meu tempo gritando para ele prestar aten√ß√£o em onde est√° andando, pare de subir suba os degraus de todos os edif√≠cios por onde passamos, segure minha m√£o, n√£o ande na grama que diz: “Por favor, n√£o ande na grama”, e muitas outras coisas.

Isso me deixa maluca, francamente, e se eu tenho algum lugar que precisamos estar em um determinado momento, n√£o tenho tempo para essa merda. Quero chegar onde estou antes de perder completamente toda a minha energia e autocontrole. E com ele, meu filho espirituoso, uma caminhada pode me desgastar totalmente.

Na maioria das vezes, s√≥ uso o carrinho para viagens ou lojas de longa dist√Ęncia. √Č uma d√°diva de Deus nessas situa√ß√Ķes.

Se estamos indo para a cidade, eu sempretraga o carrinho. Há tantas pessoas, e mesmo que ele segure minha mão o tempo todo, é fácil ficar sobrecarregado (ou cansado) quando ele está a pé.

Além disso, ele ainda é uma criança! Suas pernas são pequenas e ele se desgasta facilmente. Às vezes, ele simplesmente não consegue acompanhar. Mamãe, ande devagar! O inferno diz enquanto ele puxa minha mão. Eu tento, mas é seu instinto para eu andar rapidamente. Até que ele aprenda a acompanhar, geralmente é mais fácil para nós dois se eu apenas o jogar no carrinho. Dessa forma, se eu precisar me apressar, ele não está nos segurando.

Al√©m disso, em seu carrinho, ele pode bloquear o mundo se precisar. Enquanto ele tem momentos em que ele √© super amig√°vel, ele ainda √© t√≠mido e desconfiado de estranhos. No carrinho, se ele ficar sobrecarregado, ele pode simplesmente p√īr o sol para brilhar e sintonizar o mundo que √© √≥timo para ele (e para mim). Ent√£o ele n√£o est√° tentando se esconder atr√°s das minhas pernas, o que quase sempre acaba me fazendo trope√ßar, ou gemendo sobre como ele quer se esconder.

Ele tem uma bandeja de lanches no carrinho, para que eu possa lhe dar alguns lanches de frutas ou M & Ms para mantê-lo quieto, e ele pode colocar a garrafa de água no porta-copos para que eu não precise recuperá-la a cada 30 segundos.

Mas o maior b√īnus? Se ele adormecer, n√£o preciso carreg√°-lo. Eu amo meu filho, mas o garoto se sente cerca de 10 quilos mais pesado do que realmente pesa, e √© como carregar uma sacola de tijolos quando est√° dormindo. N√£o estou tentando carregar uma crian√ßa louca de 50 quilos, sonolenta ou lutando para mant√™-lo acordado. Reclino a parte de tr√°s do carrinho e deixo que ele desmaie.

Tamb√©m √© mais f√°cil fazer compras quando ele est√° no carrinho, principalmente em locais movimentados ou nos dias em que fazemos v√°rias paradas. Ele √© arunner, ent√£o n√£o ter que brigar com ele por segurar minha m√£o, n√£o tocar nas coisas nas prateleiras e se esconder nas prateleiras de roupas torna a experi√™ncia mais divertida para n√≥s e mais suport√°vel para o p√ļblico em geral.

Eu nunca fico surpreso, mas sempre espantado com quantas pessoas fazem coment√°rios sobre ele estar no carrinho. Ele n√£o √© um pouco grande para isso? √© um dos mais comuns. Bem, ele tem 3 anos, ent√£o … eu costumo responder. Eu realmente n√£o devo a ningu√©m entrar em mais detalhes al√©m disso, e sim, ele tem a op√ß√£o de caminhar se estiver t√£o inclinado, mas isso tamb√©m n√£o √© da sua conta.

Pense nisso: se você pudesse ser empurrado em um carrinho de bebê, tenha uma sombra sobre a cabeça e lanches exatamente onde você pode alcançá-los, não é? Eu não me importo se ele é meu filho, e ambos estavam bem com o arranjo.