O b√°sico de gorduras boas e m√°s

O b√°sico de gorduras boas e m√°s

Última atualização em 13 de dezembro de 2018

Gordura nem sempre é ruim.

Boas gorduras são essenciais para o seu bebê obter energia para as atividades do dia, para um crescimento e desenvolvimento saudáveis.

Aqui est√° um resumo de tudo o que voc√™ precisa saber sobre gorduras e sua import√Ęncia na dieta do seu beb√™.

Depois de anos sabendo que a gordura não é boa para o corpo e sendo condicionada a evitá-la como uma praga, o conceito de boa gordura pode ser uma aberração do conceito popular de gordura.

Então, o que é gordura boa e o que é gordura ruim? A gordura que chamamos de boa é simplesmente gordura não saturada.

Isso ocorre em duas formas principais, a saber: gorduras monoinsaturadas e poliinsaturadas.

As gorduras não saturadas nos ajudam a manter nossas artérias limpas.

Eles também ajudam a produzir um bom colesterol e a movê-lo pelo corpo, reduzindo assim o risco de doença cardíaca.

As gorduras poliinsaturadas v√™m novamente em dois tipos: √īmega 3 e √īmega 6.

Estes são basicamente ácidos graxos essenciais (AGEs) que, novamente, são cruciais para nossos bebês.

O corpo do seu bebê não pode produzir ácidos graxos essenciais e, portanto, devemos suplementar sua dieta com alimentos ricos em gorduras poliinsaturadas para garantir que você tenha uma ingestão adequada.

Por outro lado, a gordura ruim é o que vem dos produtos de origem animal, como carne vermelha.

Nosso corpo também ingere gorduras ruins através de produtos lácteos, como leite integral, manteiga, queijo e sorvete.

Banha e coco e óleos de palma também são uma fonte de gorduras ruins.

No entanto, estes também devem ser incluídos na dieta, embora em quantidades menores.

Aqui estão algumas dicas rápidas sobre como enriquecer a dieta do seu bebê para garantir que ele receba sua dose diária de gorduras boas.

  • A amamenta√ß√£o √© uma fonte importante de √°cidos graxos essenciais para o seu beb√™.

    Essa √© uma das raz√Ķes pelas quais a amamenta√ß√£o √© recomendada at√© que seu beb√™ atinja a idade de pelo menos um ano.

    A partir daí, alimentos externos enriquecidos com boa gordura, que podem ser substituídos para dar ao bebê níveis adequados de boa gordura.

    Verifique com seu médico se o seu bebê está tomando mamadeira.

  • Depois de apresentar seu beb√™ a alimentos s√≥lidos, verifique se ele come alimentos inteiros e gordurosos.

    As crianças, nesta fase, precisam de muita gordura em sua dieta para fornecer a energia necessária nesse desenvolvimento crucial que ocorre no corpo e no cérebro.

    N√£o introduza produtos como leite desnatado, alimentos desnatados, op√ß√Ķes com baixo teor de gordura, etc., at√© que o beb√™ tenha pelo menos cinco anos de idade e somente ap√≥s consultar o pediatra do beb√™.

  • Revise cuidadosamente a dieta di√°ria da sua fam√≠lia.

    Liste os elementos de gorduras ruins, como manteiga, queijo, carne vermelha, etc.

    que fazem parte da sua dieta atual.

    Planeje cuidadosamente maneiras de restringir a ingest√£o di√°ria ou encontre substitutos inteligentes para eles em seu plano de dieta di√°rio.

  • Leia os pain√©is nutricionais de cada produto com cuidado.

    Isso lhe dará uma boa indicação da composição pobre em gordura da sua dieta diária.

    Voc√™ pode usar essas informa√ß√Ķes para escolher alternativas mais saud√°veis ‚Äč‚Äčpara o seu carrinho de compras.

  • Fa√ßa disso um esfor√ßo familiar.

    Em família, escolha permanecer saudável.

    Limite op√ß√Ķes como delivery, massas e guloseimas apenas uma vez por semana, ou at√© menos.

    Al√©m disso, fa√ßa escolhas mais saud√°veis ‚Äč‚Äčpara todos da fam√≠lia – este √© um bom exemplo para os mais pequenos imitarem.

    Seguir uma dieta saudável pode ser uma grande vantagem para o seu bebê, mesmo quando ele crescer, pois é muito provável que ele escolha um saudável.

    estilo de vida tendo crescido com melhores op√ß√Ķes alimentares.