Matt Lauer é criticado por entrevista em Detroit com Mary Barra, CEO da GM

Matt Lauer é criticado por entrevista em Detroit com Mary Barra, CEO da GM

Matt Lauer é criticado por entrevista em Detroit com Mary Barra, CEO da GM

Matt Lauer, anfitrião do Today Show, esteve em Detroit na quinta-feira para entrevistar Mary Barra, CEO da General Motors. Tudo começou com perguntas sobre os problemas recentes da chave de ignição da GM.

Mas, no final da entrevista de quase cinco minutos, quando o ouvi fazer sua pergunta relacionada à maternidade, não pude deixar de usar o teclado para expressar meu aborrecimento.

– Voc√™ √© m√£e, mencionei, dois filhos. Voc√™ disse em uma entrevista h√° pouco tempo que seus filhos disseram que o responsabilizariam por um emprego e isso √© ser m√£e ¬Ľ, come√ßa Lauer.

“Correto”, Barra responde, com um sorriso no rosto.

“Dadas as press√Ķes deste trabalho na General Motors, voc√™ pode fazer as duas coisas bem?” Pergunta Lauer.

Gemido.

Barra respondeu √† pergunta sem pular o ritmo. ¬ęSabe, acho que posso. Tenho uma √≥tima equipe, estamos no caminho certo, estamos fazendo as coisas certas, assumindo a responsabilidade e tamb√©m, tenho uma fam√≠lia maravilhosa, um marido solid√°rio e tenho muito orgulho dos meus filhos e da fam√≠lia. como eles est√£o me apoiando nisso.

Acontece que eu certamente n√£o fui o √ļnico que ficou irritado com a pergunta.

Bryce Covert, da Think Progress, escreveu uma coluna sobre a pergunta, dizendo: ¬ęO pr√≥prio Lauer √© pai de tr√™s filhos, mas isso n√£o o impediu de fazer seu trabalho, que incluiu, entre outras coisas, viajar para 50 locais para o Onde est√° o mundo Matt Lauer segmento, ou substituindo Bob Costas para sediar as Olimp√≠adas de Sochi na R√ļssia. ¬Ľ

Patrick George, de Jalopnik, também falou, afirmando que nem fazia sentido fazer essa pergunta à luz de outros eventos da GM.

¬ęMuito est√° em jogo com a atual crise da GM, desde a seguran√ßa de seus clientes at√© o futuro da empresa como um todo. Se Mary Barra pode ou n√£o pegar seus filhos nos treinos de futebol a tempo √© praticamente sem sentido para ningu√©m, exceto Mary Barra ‚ÄĚ, escreve ele.

A reação que mais me chamou atenção veio do colunista do Detroit Free Press, Tom Walsh.

“Ele pensaria em perguntar a Alan Mulally, da Ford, ou Sergio Marchionne, da FiatChrysler, se eles poderiam ser um bom CEO e um bom pai ao mesmo tempo?”

Lauer afirma que sim. Ele foi ao Facebook para explicar seu lado das coisas, dizendo que estava fazendo referência a um artigo da Forbes no qual Barra falava sobre perder o baile de finalistas do filho e como ela se sentia mal.

“Se um homem tivesse dito publicamente algo semelhante depois de aceitar um emprego de alto n√≠vel, eu teria perguntado exatamente a mesma coisa”, escreveu ele.

√Č claro que ser m√£e trabalhadora √†s vezes tem seus desafios, como Barra se abordou no artigo da Forbes, mas com a maneira como a pergunta de Lauer foi formulada, como ele esperava que ela respondesse? ¬ęPuxa, eu n√£o sei se eu lata lide com os dois, Matt. Okay, certo.

Se você me perguntar, o fato de ela ter conseguido uma posição de alto nível em sua carreira enquanto mãe prova que ela tem o necessário para lidar com os dois empregos Рnão que isso deva ser uma pergunta.