Diabetes

IA para prever futuros casos de diabetes com precis√£o de 94%

Diabetes

Os pesquisadores revelaram que, com a ajuda da intelig√™ncia artificial (IA), seu modelo de computador treinado previu a incid√™ncia futura de diabetes com uma precis√£o geral de 94,9%. Intelig√™ncia artificial (IA) √© o desenvolvimento de sistemas de computador capazes de executar tarefas que normalmente exigem intelig√™ncia humana. A diabetes est√° ligada ao aumento dos riscos de problemas graves de sa√ļde, incluindo doen√ßas card√≠acas e c√Ęncer. Prevenir o diabetes √© essencial para reduzir o risco de doen√ßa e morte. Leia tamb√©m – Saiba como lidar com feridas se voc√™ tem diabetes

“Atualmente, n√£o temos m√©todos suficientes para prever quais indiv√≠duos geralmente saud√°veis ‚Äč‚Äčdesenvolver√£o diabetes”, disse o autor principal do estudo, Akihiro Nomura, da Universidade Kanazawa, no Jap√£o. “Usando o aprendizado de m√°quina, seria poss√≠vel identificar com precis√£o grupos de alto risco de futuros pacientes com diabetes melhor do que usar os escores de risco existentes”, acrescentou Nomura. Para os resultados, publicados no Jornal da Sociedade End√≥crina, os pesquisadores investigaram o uso de um tipo de intelig√™ncia artificial chamado aprendizado de m√°quina no diagn√≥stico de diabetes. Leia tamb√©m – Alerta sobre diabetes: Cuidado com dem√™ncia e c√Ęncer se voc√™ tiver n√≠veis elevados de a√ß√ļcar no sangue

O aprendizado de m√°quina √© um tipo de IA que permite que os computadores aprendam sem serem explicitamente programados. A equipe de pesquisa analisou 509.153 registros anuais de exames de sa√ļde em todo o pa√≠s, de 139.225 participantes de 2008 a 2018 na cidade de Kanazawa, no Jap√£o. Entre eles, 65.505 participantes sem diabetes foram inclu√≠dos. Os dados inclu√≠ram exames f√≠sicos, exames de sangue e urina e question√°rios dos participantes. Leia tamb√©m – Lista de verifica√ß√£o do diabetes: Voc√™ est√° cometendo esses erros no glicos√≠metro enquanto verifica o a√ß√ļcar no sangue em casa?

Foram inclu√≠dos pacientes sem diabetes no in√≠cio do estudo que foram submetidos a mais de dois exames de sa√ļde anuais durante esse per√≠odo. Novos casos de diabetes foram registrados durante os exames dos pacientes, disseram os pesquisadores. Os pesquisadores identificaram um total de 4.696 novos pacientes com diabetes (7,2%) no per√≠odo do estudo. Seu modelo de computador previa a incid√™ncia futura de diabetes com uma precis√£o geral de 94,9%.

Segundo os autores, o próximo plano é realizar ensaios clínicos para avaliar a eficácia do uso de estatinas no tratamento de grupos de pacientes identificados pelo modelo de aprendizado de máquina como tendo alto risco de desenvolver diabetes.

Publicado em: 2 de abril de 2020 8:47