COVID-19

Dor abdominal e inflamação cardíaca em crianças podem estar ligadas ao COVID-19, dizem especialistas

COVID-19

A pandemia do COVID-19 pegou o mundo inteiro de surpresa. Em menos de tr√™s meses, esse cont√°gio mortal conseguiu atingir quase todos os cantos do globo. At√© o momento, j√° infectou mais de 2.883.603 e causou a morte de 198.842. Tamb√©m na √ćndia, a situa√ß√£o est√° longe de ser ideal. De acordo com os relat√≥rios mais recentes, o n√ļmero de pacientes confirmados na √ćndia est√° chegando a 30.000 e, at√© agora, a doen√ßa j√° causou mais de 900 v√≠timas. Todos sabemos pelos dados provenientes de v√°rias fontes e reportagens que os idosos e aqueles com condi√ß√Ķes de sa√ļde subjacentes correm maior risco de complica√ß√Ķes graves e at√© de morte por essa doen√ßa. At√© agora, as crian√ßas se sa√≠ram melhor do que o p√ļblico em geral e h√° muito poucos relatos dessa doen√ßa entre as crian√ßas. Se eles pegarem a doen√ßa, os sintomas ser√£o mais leves. Leia tamb√©m – O papel da intelig√™ncia artificial na atual pandemia de COVID-19

Especialistas preocupados com estado inflamatório multissistêmico em crianças

Mas agora as autoridades de sa√ļde brit√Ęnicas est√£o alertando os m√©dicos sobre um n√ļmero crescente de crian√ßas com um estado inflamat√≥rio multissist√™mico. Eles acreditam que isso pode ter uma associa√ß√£o com o COVID-19. Este alerta foi postado no Twitter pela Sociedade de Terapia Intensiva Pedi√°trica do Reino Unido e verificado por uma porta-voz do Servi√ßo Nacional de Sa√ļde. Segundo o alerta, houve um aumento no n√ļmero de crian√ßas com sintomas diversos nas √ļltimas tr√™s semanas. Leia tamb√©m – Atualiza√ß√Ķes ao vivo do COVID-19: Casos na √ćndia aumentam para 2.16919 quando o n√ļmero de mortos chega a 6.075

Algumas crian√ßas precisavam de tratamento intensivo por causa da gravidade dos sintomas. Eles vieram com dor abdominal, problemas gastrointestinais e inflama√ß√£o card√≠aca, que geralmente ocorre devido √† s√≠ndrome do choque t√≥xico e √† doen√ßa at√≠pica de Kawasaki. Esse desenvolvimento levantou preocupa√ß√Ķes: pode ser uma s√≠ndrome inflamat√≥ria relacionada ao COVID-19 que se manifesta em crian√ßas ou pode ser outro pat√≥geno infeccioso ainda n√£o identificado. Leia tamb√©m – Use m√°scara facial durante o sexo em meio √† pandemia de COVID-19: algumas outras dicas para se manter seguro

Desenvolvimento raro, mas sinistro, dizem cientistas

Embora a doen√ßa seja mais branda entre as crian√ßas e os recentes sintomas inflamat√≥rios tamb√©m sejam raros, os pais devem permanecer alertas e sens√≠veis a quaisquer mudan√ßas no comportamento dos filhos. Eles insistem que qualquer sintoma, mesmo que n√£o esteja relacionado ao COVID-19, deve ser relatado imediatamente. Isso ocorre porque ainda n√£o se sabe muito sobre essa doen√ßa. Ele tem o h√°bito desagrad√°vel de apresentar novos sintomas. Portanto, √© absolutamente essencial que os pais estejam atentos para evitar complica√ß√Ķes nas crian√ßas.

Os pais precisam estar alertas

Com novos sintomas emergindo quase a cada dois dias, é essencial que os pais fiquem atentos a qualquer sintoma em seus filhos. A maioria dos sintomas comuns é febre, tosse, dor de garganta, respiração rápida e superficial e calafrios. Isso pode ser acompanhado por dores musculares, dor de cabeça e perda de paladar ou olfato. Além disso, verifique os dedos dos pés de seu filho quanto a descoloração ou bolhas. Este é um dos novos sintomas emergentes em crianças. E, é claro, os sintomas acima mencionados também devem ser levados em consideração.

Se o seu filho apresentar algum sinal ou sintoma, n√£o entre em p√Ęnico. Ligue para o seu m√©dico e pergunte o que voc√™ deve fazer. Siga o conselho dele e relaxe. As crian√ßas t√™m casos mais leves e pode n√£o haver motivo para se preocupar. Mas siga todas as precau√ß√Ķes, porque elas tamb√©m s√£o portadoras.

Publicado em: 28 de abril de 2020 18h28.