contador gratuito Skip to content

Doença cardĂ­aca congĂȘnita em bebĂȘs

Um mĂ©dico que verifica um bebĂȘ com um estetoscĂłpio

Última atualização em 14 de julho de 2018

Existem muitas condiçÔes mĂ©dicas com as quais um bebĂȘ pode nascer e uma delas Ă© um defeito cardĂ­aco congĂȘnito ou uma doença cardĂ­aca congĂȘnita. A gravidade desse defeito pode variar de pequenas anormalidades a complicaçÔes graves e com risco de vida. É tudo o que vocĂȘ precisa saber sobre esta condição mĂ©dica e como vocĂȘ pode administrĂĄ-la efetivamente em seu bebĂȘ recĂ©m-nascido.

O que sĂŁo defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos?

Doença cardĂ­aca congĂȘnita Ă© uma anormalidade que pode estar presente em um bebĂȘ ao nascer. O defeito pode estar presente nas paredes, vĂĄlvulas ou vasos do coração. Tais defeitos cardĂ­acos podem interromper o fluxo sanguĂ­neo normal. A causa real do defeito cardĂ­aco congĂȘnito nĂŁo foi estabelecida, mas pode aparecer nos genes. A maioria dos problemas cardĂ­acos congĂȘnitos em recĂ©m-nascidos geralmente Ă© resolvida com pouca ou nenhuma intervenção mĂ©dica. No entanto, casos graves requerem atenção mĂ©dica imediata apĂłs o nascimento. Em alguns casos, cuidados e precauçÔes especiais podem ser necessĂĄrias ao longo da vida.

Tipos de defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos

Existem muitos tipos de defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos e neonatais. No entanto, defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos podem ser amplamente classificados em trĂȘs categorias principais:

1) Defeitos da vĂĄlvula cardĂ­aca

Esses tipos de defeitos cardíacos ocorrem quando as vålvulas dentro do coração estão vazando ou fechando. Tais defeitos na vålvula impedem sua capacidade de bombear sangue.

2) Defeitos da parede do coração

Esses tipos de defeitos ocorrem quando as paredes dentro do coração não se desenvolvem adequadamente. Tais defeitos podem interromper o fluxo sanguíneo, e o sangue pode ir para onde não pertence. O coração funciona mais do que o normal nessas condiçÔes, e a pressão arterial também pode aumentar.

3) Defeitos nos vasos sanguĂ­neos

Esses tipos de defeitos ocorrem nas artérias e veias do coração. O fluxo sanguíneo é reduzido ou bloqueado nos vasos. Tais defeitos podem levar a condiçÔes médicas fatais.

Quais sĂŁo os outros nomes para defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos?

As cardiopatias congĂȘnitas tambĂ©m podem ser classificadas como cardiopatias cianĂłticas e cianĂłticas. Ambos os defeitos ocorrem devido Ă  incapacidade do coração de bombear o sangue adequadamente. O defeito cardĂ­aco cianĂłtico ocorre devido Ă  diminuição dos nĂ­veis de oxigĂȘnio no sangue. BebĂȘs com esses tipos de defeitos cardĂ­acos podem ter dispnĂ©ia e tambĂ©m podem ter um tom azulado na pele. No entanto, nĂŁo hĂĄ diminuição dos nĂ­veis de oxigĂȘnio em bebĂȘs com defeitos cardĂ­acos cianĂłticos, mas eles podem sofrer complicaçÔes mais tarde na vida (por exemplo, pressĂŁo alta).

Causas de defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos

As causas de defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos em bebĂȘs podem ser devidas a fatores ambientais genĂ©ticos ou prĂ©-natais.

1) Fatores Ambientais

Os fatores ambientais incluem:

Uso de certos medicamentos

O uso de certos medicamentos na gravidez aumenta o risco de defeitos cardĂ­acos nos bebĂȘs. Alguns desses medicamentos incluem Accutane (acne), lĂ­tio (usado para distĂșrbios bipolares), anticonvulsivantes, etc.

De fumar

Fumar na gravidez pode aumentar o risco de ter um bebĂȘ com defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos.

Tem ĂĄlcool

Beber ĂĄlcool durante a gravidez pode ser prejudicial ao coração do bebĂȘ e hĂĄ uma boa chance de ele nascer com defeitos cardĂ­acos. O ĂĄlcool tambĂ©m coloca seu bebĂȘ em risco de SAF ou sĂ­ndrome alcoĂłlica fetal, que tambĂ©m pode levar a problemas cardĂ­acos nos bebĂȘs.

Mãe com infecção viral

Se vocĂȘ ficar doente com certas infecçÔes virais, como a rubĂ©ola na gravidez (no primeiro trimestre), seu bebĂȘ corre um alto risco de defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos.

Doença mãe crÎnica

Se uma mĂŁe tem algum tipo de doença crĂŽnica (fenilcetonĂșria, diabetes ou deficiĂȘncia de vitaminas), Ă© provĂĄvel que o bebĂȘ desenvolva doença cardĂ­aca congĂȘnita.

2) Fatores genéticos

Fatores genéticos incluem:

Mutação

Existem muitas mutaçÔes genĂ©ticas que podem causar defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos em bebĂȘs, como defeitos sĂ©pticos atriais.

HereditĂĄrio

Se houver um histĂłrico familiar de cardiopatias congĂȘnitas (pais ou irmĂŁos o possuem), hĂĄ uma grande chance de que seja transmitido aos filhos.

Outros defeitos congĂȘnitos

Cardiopatias congĂȘnitas tambĂ©m podem ocorrer devido a outras condiçÔes mĂ©dicas. BebĂȘs nascidos com sĂ­ndrome de Turner ou Down tambĂ©m correm risco de defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos.

Sintomas de problemas cardĂ­acos congĂȘnitos

Um mĂ©dico verifica um bebĂȘ sentado no colo do pai "width =" 1756 "height =" 1206 "srcset =" https://dinerados.com/wp-content/uploads/2020/05/1589049800_650_Enfermedad-cardiaca-congenita- en-bebes.jpg 300w, https: //cdn.cdnparenting.com/articles/2018/02/46510423-H-100x70.jpg 100w, https://cdn.cdnparenting.com/articles/2018/02/46510423- H-218x150.jpg 218w, https: //cdn.cdnparenting.com/articles/2018/02/46510423-H-436x300.jpg 436w "tamanhos =" (largura mĂĄxima: 1756px) 100vw, 1756px "src =" https: //dinerados.com/wp-content/uploads/2020/05/1589049800_650_Enfermedad-cardiaca-congenita-en-bebes.jpg

Alguns defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos sĂŁo assintomĂĄticos ou apresentam sintomas insignificantes, enquanto alguns defeitos cardĂ­acos apresentam sintomas notĂĄveis, como:

  • O bebĂȘ pode ter dificuldade em se alimentar.
  • O bebĂȘ pode ter um tom azulado na pele (lĂĄbios, dedos, dedos dos pĂ©s ou pele).
  • O bebĂȘ pode ter problemas para respirar ou sentir dispnĂ©ia.
  • O bebĂȘ pode sentir desconforto ou dor no peito.
  • O bebĂȘ pode nĂŁo ganhar peso corretamente.

Além dos sintomas mencionados acima que são evidentes logo após o nascimento, pode haver alguns sintomas que podem aparecer mais tarde na vida, como:

  • Tontura
  • Desmaio
  • Arritmia cardĂ­aca
  • Cansaço ou fadiga
  • Inchaço

A maioria dos casos de cardiopatias congĂȘnitas Ă© estabelecida durante a ecografia da gravidez. Pode ser necessĂĄrio fazer mais testes se o seu mĂ©dico suspeitar de qualquer tipo de anormalidade no batimento cardĂ­aco fetal.

Como sĂŁo diagnosticados defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos?

Os casos mais graves de cardiopatias congĂȘnitas sĂŁo estabelecidos durante as ecografias da gravidez. No entanto, existem muitos defeitos que seu mĂ©dico poderĂĄ diagnosticar posteriormente ao examinar seu filho. Uma vez que o mĂ©dico suspeite da possibilidade, as seguintes tĂ©cnicas para detectar doenças cardĂ­acas congĂȘnitas em recĂ©m-nascidos podem ser recomendadas:

Raio-x do tĂłrax

A radiografia de tórax revelarå anormalidades no coração.

Ecocardiograma

É como um ultrassom e envolve tirar fotos do coração.

Eletrocardiograma

Isso ajuda a estabelecer a atividade elétrica do coração.

Ressonùncia magnética

Isso ajuda na exploração completa do coração.

Oximetria de pulso

Isso ajuda a estabelecer a quantidade de oxigĂȘnio no sangue.

É possível detectar problemas cardíacos antes do nascimento?

Sim, Ă© possĂ­vel detectar problemas cardĂ­acos antes do nascimento. Se o seu mĂ©dico suspeitar de uma anormalidade no batimento cardĂ­aco fetal, vocĂȘ pode ser aconselhado a fazer um ecocardiograma fetal. Este ultra-som envolve o uso de ondas sonoras especiais para obter informaçÔes sobre o coração do bebĂȘ. Com base nas imagens de ultrassom, seu mĂ©dico pode fazer um plano de tratamento para o bebĂȘ. O mĂ©dico pode iniciar o tratamento durante a gravidez ou logo apĂłs o nascimento, dependendo da gravidade do problema cardĂ­aco.

Tratamento

Depois de diagnosticar a gravidade do defeito, seu mĂ©dico poderĂĄ recomendar a melhor opção de tratamento apropriada para seu bebĂȘ. Aqui estĂŁo algumas etapas que vocĂȘ pode recomendar para defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos:

Medicamento

Casos mais leves de doenças cardíacas podem ser tratados com medicamentos. Medicamentos prescritos ajudam a prevenir a coagulação do sangue e batimentos cardíacos irregulares.

Procedimento de cateter

Este procedimento ajuda a reparar certas condiçÔes cardĂ­acas sem qualquer intervenção cirĂșrgica.

Implantes

CDIs ou desfibriladores automĂĄticos implantĂĄveis, marcapassos, etc. Eles sĂŁo alguns dos dispositivos implantĂĄveis ​​que ajudam a curar certos defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos (batimentos cardĂ­acos anormais ou irregulares).

Cirurgia cardĂ­aca aberta

O procedimento envolve abrir cirurgicamente o coração e reparar os defeitos (ampliar os vasos sanguíneos, fechar orifícios ou reparar as vålvulas cardíacas)

Transplante de coração

Trata-se de uma cirurgia complexa de cardiopatia congĂȘnita que envolve a substituição do coração da criança pelo coração saudĂĄvel do doador.

Prevenção

Algumas medidas que vocĂȘ pode tomar durante a gravidez para reduzir o risco de defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos do bebĂȘ incluem:

  • Se vocĂȘ tem uma condição mĂ©dica como diabetes, entre em contato com seu mĂ©dico para saber mais sobre como gerenciar efetivamente sua condição mĂ©dica durante a gravidez.
  • Se vocĂȘ estiver tomando algum medicamento, fale com seu mĂ©dico antes ou logo apĂłs a gravidez.
  • Se vocĂȘ tem um histĂłrico familiar de doenças cardĂ­acas congĂȘnitas, obtenha ajuda com aconselhamento genĂ©tico.
  • Evite fumar ou consumir ĂĄlcool.
  • Se vocĂȘ nĂŁo recebeu a vacina contra infecçÔes virais (sarampo ou rubĂ©ola alemĂŁ), pergunte ao seu mĂ©dico sobre as opçÔes preventivas.

Os defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos podem ser tratados com eficĂĄcia?

A maioria dos casos de cardiopatias congĂȘnitas pode ser tratada ou reparada. Em geral, os defeitos congĂȘnitos nĂŁo tĂȘm efeitos negativos significativos no crescimento e desenvolvimento geral da criança. AlĂ©m disso, existem certos defeitos que nĂŁo sĂŁo diagnosticados atĂ© a criança atingir a adolescĂȘncia. Ao mesmo tempo, existem alguns defeitos cardĂ­acos congĂȘnitos que requerem tratamento e cuidados contĂ­nuos. Com o avanço constante da tecnologia mĂ©dica, a maioria dos casos de cardiopatia congĂȘnita Ă© efetivamente diagnosticada e tratada a tempo.

Leia também:

HĂ©rnia diafragmĂĄtica congĂȘnita em recĂ©m-nascidos Nistagmo congĂȘnito em lactentes