Dicas para fazer grandes exames no ensino médio

Dicas para fazer grandes exames no ensino médio

Dicas para fazer grandes exames no ensino médio

Voc√™ se senta para fazer o exame final, olha em volta, desconcertado, e seu est√īmago cai, oh n√£o! Eu nunca participei de nenhuma dessas aulas.

Mesmo as pessoas que se formaram no ensino médio há uma década relatam ter acordado do notório sonho de ansiedade no exame final. Se o estresse de um grande teste é suficiente para provocar sonhos de ansiedade na idade adulta, imagine como os adolescentes de hoje estão estressados.

“Identificar o estresse nos alunos pode ser complicado, pois pode parecer com v√°rios problemas t√≠picos de adolescentes”, diz Kevin Kilgore, conselheiro escolar da Pioneer High School, em Ann Arbor.

Observe se seu filho adolescente tem “dificuldade em manter o foco, mudan√ßas no hor√°rio de sono, uma queda nos estudos, dores de cabe√ßa e dores de est√īmago frequentes e mudan√ßas no humor ou na capacidade de controlar emo√ß√Ķes”.

Se seu filho tiver algum dos sintomas acima, é hora de ajudar.

Dicas cl√°ssicas para fazer grandes exames

A primeira coisa a fazer, diz Connie Akins, outra conselheira escolar da Pioneer, é conversar com o professor.

“Os professores normalmente fazem uma revis√£o nas aulas; portanto, se um aluno n√£o entende alguma coisa, √© hora de pedir esclarecimentos”, diz ela.

Se um aluno estiver particularmente preocupado com a realização do teste, os professores às vezes podem permitir que eles façam exames em grupos menores ou em salas separadas, acrescenta Akins.

Outro conselho clássico que realmente funciona é fazer com que os adolescentes cuidem de seus corpos, principalmente na hora do teste. Garanta que eles durmam oito horas e tomem o café da manhã, diz ela.

Uma das maiores maneiras de fazer a diferen√ßa em como o adolescente est√° estressado antes da realiza√ß√£o de um exame, acrescenta Akins. Os pais devem avaliar se deixar um adolescente ficar em casa por um dia de sa√ļde mental pode causar mais danos a longo prazo.

“A participa√ß√£o √© crucial, porque √© a√≠ que as instru√ß√Ķes acontecem”, diz ela. “H√° casos em que os alunos n√£o conseguem, mas, tanto quanto poss√≠vel, freq√ľentam a escola e obt√™m o que voc√™ precisa da aula.”

Dicas criativas para ajudar os adolescentes a aceitar exames

“Aten√ß√£o plena parece ser uma palavra da moda na moda recentemente, mas se voc√™ se interessar por ela, √© realmente pr√°tico”, diz Kilgore. “A aten√ß√£o plena, basicamente, √© uma pr√°tica de estar no momento e n√£o se distrair com outras coisas na vida.”

Praticando atenção plena é a chave aqui: os alunos não podem esperar repentinamente ativar a atenção plena durante um exame, diz Akins. Ela recomenda que os alunos pratiquem exercícios respiratórios muito antes de um exame.

Kilgore diz que os alunos podem tentar este exerc√≠cio de respira√ß√£o antes de uma sess√£o de estudo: “Concentre-se na respira√ß√£o por cinco minutos, observe a inspira√ß√£o e exale e observe a mente se afastando e a observa√ß√£o de traz√™-la de volta a esse momento e √† respira√ß√£o”.

Desativar todos os dispositivos eletr√īnicos para focar melhor pode ajudar alguns alunos, mas Akins diz que usar a tecnologia a seu favor √© outra dica.

“Usar o bate-papo em grupo para estudar tem sido √ļtil para algumas crian√ßas”, diz ela. Eles podem devolver as perguntas. Al√©m disso, os adolescentes podem usar seus telefones com um cron√īmetro de contagem regressiva para dividir seus estudos em intervalos, diz ela. Quando o alarme disparar, fa√ßa uma pausa; depois volte para ele.