contadores Saltar al contenido

Como os rituais desempenham um papel com os vícios?

A maioria dos profissionais de saúde acredita que os vícios não ocorrem instantaneamente, mas ao longo de várias etapas. Se você suspeita que alguém tem um vício, enfrentá-lo pode ser um período muito precário e difícil. Você quer ficar atento aos sentimentos dele e evitar acusações falsas ou ofensivas. Mas se você entender os estágios e os sinais reveladores do vício, poderá ter uma idéia melhor de quando precisará intervir e como fazê-lo de uma maneira solidária que obtenha resultados positivos.

Etapas do vício

O vício pode ter níveis variados de gravidade e dificuldade. Alguns que correm o risco de desenvolver um vício, ou mesmo alguém que já é viciado, podem ser capazes de conquistá-lo antes de atingir o fundo do poço. Obter tratamento nos estágios iniciais pode aumentar as chances de recuperação com sucesso.

Os estágios mais comumente reconhecidos são:

  1. Experimentação
  2. Uso de Rituais
  3. Uso arriscado
  4. Dependência
  5. Vício total

Rituais e Dependência

O estágio 2, onde há uso regular de rituais, pode ser um dos momentos mais fáceis para reconhecer sintomas de dependência e intervir. É também o último ponto antes que os comportamentos possam se tornar arriscados ou perigosos.

O estágio ritual é definido pelo uso regular de um comportamento ou substância viciante e por uma rotina específica que o acompanha.

Este é um momento em que a pessoa não está mais apenas experimentando; os comportamentos se tornaram uma parte importante de sua vida cotidiana. Sua agenda diária gira em torno de seu vício. Por exemplo, alguém com vício em sexo pode voltar para casa do trabalho, tomar banho e depois entrar em uma sala de bate-papo ou fórum para localizar possíveis parceiros. Eles podem conhecer uma nova pessoa todos os dias em um horário específico em um local específico.

Para alguns, as ações do ritual são tão importantes quanto a própria substância. Ele pode atender a certos desejos e a hora do dia, a técnica e a localização podem ter um significado significativo para o usuário. Alguns dos comportamentos dos rituais realmente alimentam o vício; um usuário pode deliberadamente entrar em um estado de agitação por ter um ritual que é facilmente interrompido, dando-lhe uma razão ou justificativa para usar mais a substância.

Isso se torna uma rotina subconsciente. A pessoa procurará e se envolverá continuamente nos mesmos comportamentos, na mesma ordem, todos os dias. Eventualmente, são criados hábitos de vida que giram em torno de comportamentos viciantes

Todo mundo experimenta os estágios do vício de maneira diferente. Algumas pessoas podem estar no estágio ritual por apenas algumas semanas; outros podem passar por rituais por meses. No entanto, esse é apenas um estágio que acabará evoluindo para a próxima parte, envolvendo comportamentos de risco. Obter ajuda durante o estágio ritual é essencial para evitar perigos e riscos em potencial, como ferimentos, ruína financeira ou contração de uma doença.

Obter ajuda

Se você está preocupado que um ente querido esteja passando pelos estágios do vício ou praticando rituais de abuso de substâncias ou outros vícios, procure um terapeuta especializado no tratamento desses tipos de comportamento. Eles podem ajudá-lo a reconhecer sinais de alerta e a decidir sobre os próximos passos, como discutir os problemas de dependência diretamente com seu ente querido e as opções de tratamento.