Como desenvolver as habilidades sociais de seu filho em casa

Como desenvolver as habilidades sociais de seu filho em casa

Como desenvolver as habilidades sociais de seu filho em casa

Simon diz, toque os dedos dos pés. Simon diz, toque seu nariz. Toque seus cotovelos! Simon não disse para tocar seus cotovelos!

Os pais podem se surpreender ao saber que um simples jogo de Simon Says pode realmente ajudar uma crian√ßa no espectro do autismo a desenvolver suas habilidades de comunica√ß√£o. Mas os jogos s√£o na verdade uma √≥tima maneira de ajudar as crian√ßas no espectro do autismo com o contato visual, aprendendo a ser um bom esporte, seguindo instru√ß√Ķes e muito mais, diz Lynnae Monson, analista de comportamento l√≠der do Autism Home Support Services.

Quais são algumas outras maneiras pelas quais pais e mães podem ajudar seus filhos com autismo a desenvolver suas habilidades sociais? Monson pesa com idéias para as famílias.

Habilidades para trabalhar

Comunicação, conscientização e capacidade de se relacionar com colegas são três áreas de interação social nas quais os pais podem trabalhar com seus filhos.

Com a comunicação, o trabalho para iniciar a interação, a capacidade de uma criança ter conversas e sua reciprocidade de interesse, diz Monson.

Quando as crian√ßas aprendem a fazer perguntas como “como foi o filme” ou “como est√° o seu novo filhote?” isso os torna mais relacion√°veis ‚Äč‚Äčcom os colegas, mostra que eles t√™m interesse na vida de um amigo ou de familiares.

Al√©m disso, a crian√ßa deve aprender a entender que, quando est√° com amigos, pode agir de uma maneira, mas age de maneira diferente com seus pais e professores, por exemplo. “Voc√™ pode usar uma linguagem diferente com seus colegas e com seus professores ou pais”, diz ela.

E quando se trata de se relacionar com colegas, essa é a capacidade de comprometer, ser um bom amigo e se envolver nos interesses dos outros.

Passos a tomar em casa

Fingir brincar, brincar de charadas e muito mais podem beneficiar a intera√ß√£o social de uma crian√ßa, contato visual e compreens√£o das rea√ß√Ķes de outras pessoas, entre outras.

“Acho que muitos pais lutam com isso porque pode ser desafiador, a reciprocidade e o envolvimento da crian√ßa nem sempre est√£o l√°”, diz ela.

Se seu filho não parece interessado em brincar com você ou se esforça de maneira geral com a interação social, pode ser fácil enviá-lo para o quarto para jogar videogame ou assistir a algo no iPad. Em vez disso, assista à televisão em família.

“Assista a programas de TV juntos que apresentam oportunidades para conversar sobre intera√ß√Ķes entre pessoas”, diz ela.

A teoria do Big Bang é um programa contanto que seja apropriado para a idade que Monson diga que é ótimo para assistir à família, principalmente porque Sheldon Cooper pode, às vezes, ser rude e sem relação com seus colegas. Use esses programas para desencadear conversas e abrir conversas sobre determinados comportamentos.

Jogue iPad e videogame que também precisam ser revezados.

“Isso permite oportunidades de trabalhar na inicia√ß√£o da intera√ß√£o e nas habilidades apropriadas de jogo, o que √© uma habilidade importante a ter com os colegas”, acrescenta Monson.

Use a hora do jantar e a hora de dormir como oportunidades para trabalhar e desenvolver essas habilidades de conversação. Jogue um monte de perguntas escritas em uma cesta e selecione uma nova todas as noites para ajudar a iniciar a conversa com seu filho.

“Realmente sinto que as refei√ß√Ķes em fam√≠lia s√£o um √≥timo momento para trabalhar com essas habilidades”, diz ela. “Al√©m disso, √© divertido ver como cada pessoa responder√° √† pergunta!”

Permanecendo positivo

Como seu filho est√° aprendendo a l√≠ngua quando se trata de comunica√ß√£o, lembre-se de n√£o ser cr√≠tico. Redirecione e guie-os, possivelmente por imita√ß√£o, para o lugar certo, se necess√°rio, mas tente evitar dizer coisas como “N√£o diga isso. Por que voc√™ diria isso?” pois isso pode causar o desligamento da crian√ßa.

Elogie-os por se lembrarem de detalhes sobre outra pessoa, Monson sugere, dizendo algo como: “Foi legal da sua parte perguntar sobre o jogo de futebol de Jeremy. Aposto que isso o fez se sentir realmente especial.

Como sempre, lembre-se também do desenvolvimento do seu filho.

“Tente evitar situa√ß√Ķes para as quais eles podem n√£o estar prontos”, diz ela. “N√£o os jogue no fundo do po√ßo, desenvolva suas habilidades e facilite-as.”

Conte√ļdo trazido a voc√™ pelo Autism Home Support Services. Para mais informa√ß√Ķes sobre os Servi√ßos de Suporte Dom√©stico do Autismo, visite autismhomesupport.com.