contador gratuito Skip to content

Como a falta de sono pode estar afetando sua vida (e o que fazer)

Muitos de n√≥s experimentamos per√≠odos de sono comprometido durante toda a vida, e isso √© perfeitamente normal. As obriga√ß√Ķes de trabalho, uma nova adi√ß√£o √† fam√≠lia, os problemas de sa√ļde ou os per√≠odos de maior estresse podem desviar nossos ciclos de sono, mas √© importante entender os efeitos da priva√ß√£o de sono a longo prazo sobre a mente, o corpo e a qualidade do sono. vida em geral.

De acordo com a National Sleep Foundation, o adulto médio deve dormir de 7 a 9 horas por noite e as crianças naturalmente precisam de mais. Infelizmente, muitos adultos não cumprem esta recomendação, efetuando login significativamente menos tempo de repetição.

Consequências da falta de sono.

Embora as conseq√ľ√™ncias da falta prolongada de sono possam parecer irrelevantes, voc√™ pode se surpreender com os danos causados. Aqui est√£o tr√™s mitos comuns frequentemente atribu√≠dos √† falta de sono:

Uma hora ou duas não afetará sua função diurna

Essa hora pode n√£o parecer muito problem√°tica no come√ßo, mas por longos per√≠odos de tempo essas horas perdidas podem acumular-se e afetar tudo, desde a cardiovascular at√© a sa√ļde imunol√≥gica, al√©m de reduzir sua capacidade de funcionar com aten√ß√£o e energia.

Seu relógio biológico sempre pode ser redefinido

Embora seja verdade que o corpo humano possa se adaptar a mudanças de fuso horário ou horários de sono, essas mudanças requerem longos períodos de tempo para se adaptar e, ao contrário, se recuperar.

Você sempre pode adormecer mais tarde

Se você saiu a noite toda e acha que vai tirar uma soneca extra longa mais tarde, isso pode realmente levar o seu ciclo a ir além e prejudicar a qualidade do seu sono noturno, continuando assim o padrão destrutivo. Como muitos especialistas em sono podem concordar, a teoria de pagar uma "dívida do sono" é tão insustentável quanto perigosa.

Efeitos de longa data da privação do sono.

Ent√£o, quais s√£o os efeitos de longa data da priva√ß√£o do sono, e eles s√£o realmente t√£o graves quanto todos alertam? Infelizmente, a resposta √© sim. A falta de sono adequado pode realmente causar os mesmos sintomas de embriaguez, como falta de mem√≥ria e discernimento, tempos de resposta atrasados ‚Äč‚Äče coordena√ß√£o comprometida. Outras conseq√ľ√™ncias da priva√ß√£o do sono incluem:

  • Fadiga avassaladora e perda de motiva√ß√£o
  • Diminui√ß√£o do desejo sexual
  • Irritabilidade
  • Depress√£o
  • Sistema imunol√≥gico enfraquecido
  • Envelhecimento prematuro
  • Altera√ß√Ķes no apetite que podem levar a uma dr√°stica perda / ganho de peso
  • Alucina√ß√Ķes e habilidades motoras prejudicadas.
  • Incapacidade de lidar com o estresse ou situa√ß√Ķes exigentes

A falta de sono também pode levar a um aumento da ameaça de doenças cardíacas, pressão alta, derrame, diabetes e doença de Alzheimer.

Como dormir bem à noite

Embora muitos fatores possam influenciar a perda de sono, a boa not√≠cia √© que existem medidas f√°ceis para garantir uma boa noite de descanso. √Č importante descartar poss√≠veis causas m√©dicas primeiro, por isso n√£o deixe de visitar seu m√©dico se estiver preocupado com a possibilidade de haver um problema subjacente mais s√©rio.

Aqui estão alguns métodos comprovados para melhorar sua qualidade de sono:

Exercício

Exercitar-se regularmente não apenas aumenta as endorfinas felizes, mas também alivia o estresse, que geralmente afeta o sono. Além disso, exercícios moderados gastam energia suficiente para que sua cabeça possa bater no travesseiro em um agradável estado de exaustão, garantindo um estado ininterrupto.

Crie uma rotina envolvente para dormir

Um banho relaxante, uma boa xícara de chá e um bom livro podem tornar a cama mais confortável. Ao desfrutar de atividades relaxantes e discretas que levam ao sono, você pode mudar suavemente as engrenagens da mente e do corpo para relaxar, tornando a transição algo para se esperar depois de um longo dia.

Descarte os dispositivos pelo menos uma hora antes de dormir.

A maioria de n√≥s n√£o pode viver sem nossos telefones celulares, tablets e laptops, que geralmente funcionam at√© as luzes se apagarem e, √†s vezes, at√© depois. No entanto, as telas brilhantes em nossos dispositivos agem como estimuladores instant√Ęneos, dificultando a inclina√ß√£o natural do corpo √† sonol√™ncia. Al√©m disso, a rolagem e as intera√ß√Ķes on-line alteram nossos n√≠veis de cortisol (horm√īnio do estresse) e melatonina, que s√£o cruciais para uma boa noite de sono.

Mantenha uma dieta saud√°vel.

A nutrição desempenha um papel importante na qualidade de vida e no sono, e algumas regras alimentares para dormir podem fazer a diferença na maneira como a noite se desenrola. A maioria dos profissionais médicos recomenda evitar nicotina, bebidas com cafeína, excesso de álcool e alimentos que podem perturbar sua digestão algumas horas antes de dormir.

Gerencie seu estresse

O estresse √© um fator avassalador da sa√ļde f√≠sica e mental, e como o administramos pode ser literalmente uma quest√£o de vida ou morte. Em termos de sono, o estresse √© frequentemente o culpado mais relatado por epis√≥dios de ins√īnia.

Isso ocorre devido à hiperativação causada pelo estresse, impossibilitando o corpo de relaxar e manter um equilíbrio entre sono e vigília. Encontrar maneiras de aliviar o estresse é importante, seja através de exercícios, meditação ou terapia profissional.

Algumas pessoas escolhem ficar "sem preocupa√ß√Ķes" uma hora antes de dormir, deixando deliberadamente de lado todas as fontes de ansiedade em favor de rituais e atividades relaxantes.