Cafeína e Fertilidade

CAFEÍNA

A cafeína é a droga psicoativa legal e não regulamentada mais usada no mundo. Está presente em vários alimentos e bebidas, como café, bolo de chocolate, brownie, chá, etc. A maioria de nós cede à tentação desses deliciosos alimentos. Mas você sabe que muita cafeína não é boa para sua saúde?

Como a cafeína afeta a fertilidade?

Até agora, deve haver várias perguntas sobre a cafeína e seus efeitos sobre a fertilidade, como "Isso tem impacto na nossa saúde"? A cafeína afeta a gravidez? A cafeína afeta a fertilidade masculina? Temos todas as suas respostas abordadas abaixo:

Efeitos na fertilidade masculina

Bem, existem resultados conflitantes de pesquisas sobre a correlação entre fertilidade masculina e ingestão de cafeína. Segundo um estudo, a cafeína não afeta a qualidade do sêmen ou a contagem de espermatozóides. Outro estudo mostra que a ingestão abundante de café produz uma baixa taxa de sucesso durante tratamentos de fertilidade, como a fertilização in vitro. Para estar seguro, os homens são aconselhados a consumi-lo moderadamente, especialmente se você está tentando ter um filho com seu parceiro há algum tempo ou está em tratamento de fertilidade.

Efeitos na fertilidade feminina

Bem, senhoras, existem vários meios pelos quais a cafeína pode afetar sua fertilidade e status de gravidez, conforme explicado abaixo:

  • A cafeína é conhecida por causar movimento muscular das trompas de falópio. A fertilização dos ovos é realizada dentro da trompa de Falópio, uma vez fertilizado, ele move os ovos para o útero. Portanto, um movimento muscular induzido pela cafeína pode afetar a posição dos óvulos, o que pode levá-los a um local que não é ideal para uma gravidez viável.
  • Os pesquisadores descobriram que, devido à razão acima, a cafeína reduz a chance de engravidar em 27%.
  • Existem resultados médicos que indicam que os usuários de cafeína têm uma maior probabilidade de abortos em comparação com os não usuários.

Quanta ingestão de cafeína é boa?

Segundo o Dr. Ronald Gray, PhD, professor do Departamento de Saúde Populacional, Familiar e Reprodutiva da Escola de Saúde Pública John Hopkins Bloomberg, o consumo por dia não deve ultrapassar 300 miligramas de cafeína.

Quantidade de cafeína disponível em alguns alimentos e bebidas comuns

Você sabia que nem todos os tipos de café contêm a mesma quantidade de cafeína? A quantidade de cafeína em uma porção de café é determinada por vários fatores, como o tipo de feijão usado, o método de torrefação, o tamanho da porção e o método de fermentação.

Os alimentos ricos em cafeína incluem refrigerante, chá, sorvete, nozes e chocolate. Mesmo produtos à base de plantas, dor de cabeça, resfriados e medicamentos para alergia contêm cafeína. Abaixo está a lista de cafeína disponível em alguns alimentos e bebidas comuns:

café Cafeína
café, fabricado genérico 95-200 mg
expresso, genérico 64 mg
café, elaborado Dunkin 'Donuts 211 mg
café com leite ou cappuccino na Starbucks 150 mg
café descafeinado genérico 2 mg
Starbucks café fabricado 330 mg
Chá Cafeína
chá verde preparado 25 mg
chá preto preparado 47 mg
Chá gelado Lipton Brisk 5 mg
chá instantâneo sem açúcar 26 mg
chá preto descafeinado 2mg
Bebidas sem álcool Cafeína
7-Up, Sprite 0 mg
Coca 35mg
Diet Pepsi 36 mg
Pepsi 38 mg
dieta coca cola 47 mg
Orvalho da montanha 54 mg
Bebidas energéticas Cafeína
touro vermelho 77 mg
Poder de 5 horas 138 mg

Reduza a ingestão de cafeína da sua dieta

Se você está determinado a reduzir sua cafeína, tente fazê-lo gradualmente para evitar sintomas de abstinência, como dor de cabeça ou fadiga. Você pode começar diluindo suas bebidas ou preparando-as por um tempo mais curto. Como alternativa, você pode escolher café meio descafeinado ou meio preparado.

BEBIDA DESCAFEINADA "width =" 1706 "height =" 1166 "srcset =" https://dinerados.com/wp-content/uploads/2020/05/1589411987_813_Cafeina-y-Fertilidad.jpg 300w, https: //cdn.cdnparenting .com /articles/2018/02/452226658-H-768x525.jpg 768w, https://cdn.cdnparenting.com/articles/2018/02/452226658-H.jpg 1024w, https://cdn.cdnparenting.com / articles /2018/02/452226658-H-218x150.jpg 218w, https://cdn.cdnparenting.com/articles/2018/02/452226658-H-696x476.jpg 696w, https://cdn.cdnparenting.com / articles /2018/02/452226658-H-614x420.jpg 614w "size =" (largura máxima: 1706px) 100vw, 1706px "src =" https://dinerados.com/wp-content/uploads/2020/05/ 1589411987_813_Caffeina-y-Fertilidad.jpg

Como isso pode acontecer sem ter alimentos ricos em cafeína?

Café e infertilidade estão intimamente relacionados nas mulheres. Segundo alguns estudos, doses excessivas de cafeína e a tentativa de conceber não andam de mãos dadas e muitas vezes também causam abortos. Você está pensando em optar por um estilo de vida sem cafeína? Veja as dicas a seguir para começar.

  • Comece o seu dia com um café da manhã rico em proteínas para obter energia ao longo do dia.
  • Substitua o café com chocolate quente que tenha menos cafeína que o café.
  • Despeje mais leite no café, para diminuir a quantidade de café.
  • Procure água com gás com sabor quando você desejar refrigerante.
  • Evite a rotina do café no final da tarde ou à noite, pois ela interfere no seu padrão de sono.

Fica claro pelo exposto que é necessário tomar uma quantidade moderada de cafeína para reduzir seu impacto na saúde, especialmente para mulheres grávidas. É muito arriscado e, portanto, o consumo de cafeína não é recomendado.

Leia também: Uso de cafeína durante a gravidez, gravidez ectópica