contador gratuito Skip to content

As datas de reprodução são necessárias? Especialista em desenvolvimento infantil pesa

As datas de reprodução são necessárias? Especialista em desenvolvimento infantil pesa

Nunca √© cedo para as crian√ßas fazerem seus “primeiros” amigos, mas quanto os pais devem ajudar no processo? S√£o datas de reprodu√ß√£o necess√°rio?

Afinal, a pergunta geralmente surge entre pais de crian√ßas pequenas, pr√©-escolares e crian√ßas em idade escolar, em nossa chamada “sociedade da brincadeira”, √© menos prov√°vel que as crian√ßas do bairro parem e √© mais comum que os pais organizem previamente oportunidades sociais para seus filhos com anteced√™ncia.

Então, quão importantes são as datas de reprodução? Isso depende, diz Christina Mirtes, Ph.D., professora assistente de educação infantil na Eastern Michigan University, em Ypsilanti.

Benefícios do Playdate

“A intera√ß√£o social √© uma parte muito importante de como as crian√ßas se desenvolvem”, diz Mirtes. “A pesquisa ap√≥ia que a intera√ß√£o social com colegas ap√≥ia o desenvolvimento em todos os dom√≠nios, e √© responsabilidade dos pais garantir que seus filhos estejam envolvidos em situa√ß√Ķes apropriadas para brincar.”

Playdates s√£o uma daquelas situa√ß√Ķes que podem ser ben√©ficas.

“O que acontece durante as brincadeiras pode realmente apoiar o desenvolvimento saud√°vel”, diz ela. “A intera√ß√£o social com outras crian√ßas √© uma maneira muito saud√°vel de se desenvolver em todos os dom√≠nios, incluindo os dom√≠nios social, emocional, cognitivo, de linguagem e f√≠sico”.

No mundo atual de crianças e famílias com excesso de horário, o tempo de brincadeira não estruturado com um amigo pode ser uma boa oportunidade.

“Permitir que as crian√ßas tenham tempo para brincar ininterruptamente entre colegas √© importante para o seu desenvolvimento e as datas de brincadeira s√£o uma maneira de fazer isso”, diz ela.

Os pais ou cuidadores tamb√©m costumam desfrutar da companhia de outras m√£es e pais. Outro benef√≠cio das datas de brincadeiras √© simplesmente “afastar (as crian√ßas) da tecnologia”, Mirtes diz que uma considera√ß√£o importante para as crian√ßas pequenas de hoje

A escola é suficiente?

Então, as datas de reprodução são necessárias para obter todos esses benefícios? Nem sempre. Para crianças muito pequenas, muitas brincadeiras gratuitas com colegas já podem estar acontecendo em um programa de pré-escola.

‚ÄúSe as crian√ßas est√£o matriculadas em uma pr√©-escola ou ambiente semelhante, onde o ambiente √© prop√≠cio a intera√ß√Ķes sociais, essa √© uma maneira de facilitar as situa√ß√Ķes de brincar‚ÄĚ, explica Mirtes.

À medida que as crianças crescem, é importante que a brincadeira ocorra fora da escola também. Os tempos de recesso foram reduzidos em muitas escolas e muitos programas estão mais focados no meio acadêmico do que nunca, diz ela.

“√Äs vezes, as habilidades sociais podem cair no esquecimento”, aponta Mirtes, tornando as oportunidades de brincar ainda mais importantes para as crian√ßas em idade escolar. “Eu n√£o diria que as datas de reprodu√ß√£o s√£o a √ļnica maneira, mas certamente √© uma maneira de ajudarmos a apoiar as intera√ß√Ķes sociais”.

Alternativas de playdate

Alguns pais podem não ter tempo ou interesse em marcar encontros individuais com outras crianças, ou podem não conhecer outros pais de crianças pequenas por perto. Nesse caso, considere algumas alternativas.

Os tempos da hist√≥ria da biblioteca s√£o um √≥timo lugar para as crian√ßas interagirem, diz Mirtes. Outras oportunidades de brincadeira podem estar dispon√≠veis no zool√≥gico, no museu infantil, nas igrejas, nos grupos “mam√£e e eu” e nos centros comunit√°rios.

“Mesmo indo ao parque, voc√™ acaba encontrando algu√©m”, acrescenta ela. “Voc√™ n√£o vai encontrar algu√©m sentado em sua pr√≥pria casa.”

Demasiado velho para encontros?

Os mesmos pais se perguntando “s√£o necess√°rias datas de play?” pode ficar feliz em saber que a “fase” da data de reprodu√ß√£o acaba eventualmente. De fato, os pais devem incentivar a independ√™ncia das crian√ßas na escolha de amigos e aproveitar as oportunidades √† medida que envelhecem, o que tamb√©m √© algo a se pensar quando se pensa em levar os irm√£os mais velhos para brincar.

‚ÄúAcho importante que realmente incentivemos as crian√ßas a se envolverem sozinhas e a se divertirem, e que elas sejam iniciadas pelas crian√ßas‚ÄĚ, explica Mirtes. “√Ä medida que envelhecem, voc√™ deseja dar a eles mais liberdade para iniciar algumas dessas intera√ß√Ķes com colegas, mas tamb√©m monitor√°-las.”

Em outras palavras, mam√£e e papai n√£o deveriam organizar “datas de brincadeiras” para seus filhos ou tentar escolher seus amigos para eles.

“√Č preciso equilibrar a liberdade deles com a responsabilidade de fazer boas escolhas”, diz ela.

Outra considera√ß√£o, √© claro, √© que as datas de reprodu√ß√£o n√£o devem se tornar mais uma coisa que impede os seus filhos de terem algum “tempo de inatividade”.

“Precisamos estar atentos para n√£o reservar demais nossos filhos”, enfatiza Mirtes. “Eu acho que (as datas de brincadeiras s√£o boas), mas precisamos estar atentos para n√£o reservar demais o tempo de nossos filhos”.

O que você acha? As datas de reprodução são necessárias? Você odeia datas de brincadeiras, as ama ou tem outros sentimentos sobre o assunto? Deixe-nos saber nos comentários.

Esta publicação foi publicada originalmente em 2018 e é atualizada regularmente.