contador gratuito Skip to content

A diferença entre motivação intrínseca e extrínseca

Motivação intrínseca e extrínseca

A motivação intrínseca está relacionada à força interior, enquanto a motivação extrínseca vem do ambiente e de fatores externos

O que √© motiva√ß√£o na sua opini√£o? O conceito √© sobre uma for√ßa que leva o indiv√≠duo a se envolver em uma determinada atividade, se envolver em projetos e continuar em dire√ß√£o a seus objetivos. Ou seja: um elemento fundamental e √ļnico para cada ser humano.

A motiva√ß√£o pode ser uma promo√ß√£o de carreira, a viagem dos sonhos, a oportunidade de adquirir uma casa, entre muitos outros. Aposto que seu est√≠mulo √© diferente do seu colega de trabalho. Deseja saber mais sobre isso? √Č s√≥ continuar lendo o texto!

Os efeitos positivos do estímulo

Sem motiva√ß√£o, o indiv√≠duo n√£o pode se sentir disposto a realizar as pequenas tarefas di√°rias. O est√≠mulo pode estar relacionado a fatores internos, como emo√ß√Ķes, ou fatores externos, como relacionamentos no ambiente de trabalho. Independentemente da perspectiva, os motivos da a√ß√£o devem ser claramente identificados por cada pessoa. Neste momento, √© importante que o indiv√≠duo se conhe√ßa. Portanto, autoconhecimento , indica claramente o que pode (ou n√£o) ser o combust√≠vel de um ser humano.

Motivação intrínseca X motivação extrínseca

Entenda qual é a diferença entre motivação intrínseca e extrínseca. Saída:

Motiva√ß√£o intr√≠nseca: Tamb√©m conhecido como motiva√ß√£o interna, esse conceito est√° relacionado √† for√ßa interior capaz de permanecer ativo mesmo diante das adversidades. Esse tipo de combust√≠vel est√° relacionado a interesses individuais e pode ser alterado apenas pela escolha da pessoa. Geralmente, a motiva√ß√£o interna est√° associada a metas, objetivos e projetos pessoais que estimulam o indiv√≠duo a acordar todos os dias, enfrentar o tr√Ęnsito e se dedicar a horas intensas de trabalho. Esse √© um tipo de sentimento presente na maioria das pessoas, pois √© o que gera for√ßa para estar em movimento, conquistar coisas e escrever sua hist√≥ria, tornando-se protagonista da pr√≥pria vida.

Motiva√ß√£o extr√≠nseca: Tamb√©m conhecido como motiva√ß√£o externa, o termo est√° ligado ao ambiente, situa√ß√Ķes e fatores externos. Recompensas de campanha para a equipe de vendas ou o b√īnus oferecido aos vendedores que atingem um determinado valor de cobran√ßa s√£o bons exemplos. No ambiente corporativo, o clima organizacional, atividades diversificadas, treinamento de atualiza√ß√£o e outros benef√≠cios se destacam como formas eficientes de est√≠mulo externo. Eles contribuem para manter o quadro de funcion√°rios comprometidos e produtivos. Esse tipo de incentivo √© uma maneira de ajudar as pessoas a permanecerem engajadas e ainda serve como um fator complementar. Isso significa que em nenhum caso os indiv√≠duos podem depender de motiva√ß√£o extr√≠nseca. Na verdade, eles sempre devem incentivar a montadora.

O papel do coaching

a Treinamento √© um instrumento importante na constru√ß√£o de profissionais capacitados e equipes consistentes que atingem √≥timos resultados. No Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), existem solu√ß√Ķes corporativas para dar incentivo extra e revigorante aos grupos. Sa√≠da:

  • Op√ß√Ķes personalizadas: confer√™ncias, workshops, treinamento ao ar livre e muito mais personalizado de acordo com as necessidades da equipe na √©poca da empresa.
  • Treinamento de vendas: Por meio de um programa de desenvolvimento da for√ßa de vendas com treinamento de vendas, o colaborador alcan√ßar√° um n√≠vel mais alto de desempenho.
  • Treinamento de treinadores internos: Este item oferece o desenvolvimento de treinamento e treinamento profissional (PSC) para funcion√°rios de recursos humanos, gest√£o de pessoas e outros que s√£o potenciais agentes de transforma√ß√£o.
  • Treinamento executivo individual: indica√ß√£o do melhor treinador profissional para atingir os objetivos espec√≠ficos e gerais estabelecidos pela empresa.
  • Disco de Avalia√ß√£o de Treinamento: √© uma ferramenta de mapeamento de tend√™ncias comportamentais para encontrar informa√ß√Ķes comportamentais, pontos fortes, pontos a serem desenvolvidos e outras caracter√≠sticas importantes.
  • Programa de desenvolvimento de lideran√ßa com coaching: maneira eficaz de implementar o coaching como m√©todo estrat√©gico de lideran√ßa. O objetivo √© que os profissionais possam desenvolver compet√™ncias como gest√£o de pessoas, feedback, vis√£o sist√™mica, coordena√ß√£o e comunica√ß√£o.
  • Confer√™ncias e workshops: Com dura√ß√£o de um dia, essa op√ß√£o √© ideal para objetivos de curto prazo que podem ser alcan√ßados em trabalho assertivo.
  • Grupo de coaching ou coaching de equipe: aplica√ß√£o do m√©todo em um grupo. O foco √© que a empresa tenha os mesmos objetivos com todos da equipe.
  • Treinamento do treinador l√≠der: desenvolvimento de profissionais que j√° est√£o ou est√£o se tornando l√≠deres de grandes equipes em grandes corpora√ß√Ķes.
  • Avalia√ß√£o 360 ¬į: atrav√©s de software exclusivo e Metodologia de Avalia√ß√£o 360 ¬į do IBC, esse item √© ideal para melhorar os processos e resultados internos da organiza√ß√£o.

Se voc√™ estava interessado em treinamento de Professional & Self Coaching (PSC), saiba que este √© o mais completo e moderno do Brasil sobre o assunto. Em 180 horas de aulas pr√°ticas, te√≥ricas e din√Ęmicas, voc√™ atinge um n√≠vel mais alto no aspecto profissional e pessoal.

Ap√≥s a conclus√£o do curso, voc√™ ter√° 6 certifica√ß√Ķes: Life Coach, Profissional, Extens√£o Universit√°ria (reconhecimento acad√™mico das Faculdades Monteiro Lobato, do Rio Grande do Sul), Analista Comportamental, L√≠der e Self Coach. Ou seja, se voc√™ quiser, tamb√©m pode se tornar um treinador! E tem mais: o PSC possui certifica√ß√£o e reconhecimento internacional de 5 renomados institutos internacionais de treinamento, que s√£o: Associa√ß√£o Internacional de Coaching, Comunidade Global de Coaching, Coaching de Coaliz√£o, Coaching Internacional e Coaching de Coaching.

O conte√ļdo exclusivo do curso ensina sobre o exerc√≠cio do autoconhecimento e do autodesenvolvimento; o que √© e como usar a intelig√™ncia emocional; quais s√£o os principais pontos do c√≥digo de √©tica; qual √© a hist√≥ria e a evolu√ß√£o do coaching; quais s√£o as bases, conceitos e fundamentos do coaching; qual √© o processo evolutivo; quais s√£o as principais t√©cnicas de treinamento; O que s√£o cren√ßas limitantes e como remov√™-las; que s√£o scripts estruturados; o que √© aprendizado acelerado; o que s√£o processos de identidade; que eles s√£o os princ√≠pios da programa√ß√£o neurolingu√≠stica e da psicologia positiva; quais s√£o as melhores pr√°ticas relacionadas √† lideran√ßa; Ser√° utilizada a Avalia√ß√£o de Coaching, validada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e que tem a fun√ß√£o de mapear tend√™ncias comportamentais; √© muito mais!

Gostou deste artigo? Discuta e compartilhe o conhecimento com seus amigos nas redes sociais.

Direitos autorais: 1065757700 – https://www.shutterstock.com/en/g/fizkes